Artigos

A América pelas Páginas: 10 Livros Essenciais para Compreender a Cultura dos EUA

Imagine só: você quer aprender sobre a cultura americana, descobrir curiosidades sobre as cidades mais famosas dos EUA ou até mesmo se aventurar na culinária típica de lá, mas fica perdido em meio a tantas opções disponíveis na internet. 

É nessa hora que nós entramos em cena!

Vamos juntos nessa jornada pelos 10 Livros Essenciais para Compreender a Cultura dos EUA?

Então, continue acompanhando o artigo de hoje, para conhecer 10 Livros Essenciais para Compreender a Cultura dos EUA.

 

1. Nenhum homem conhece minha história – Fawn Brodie

Esta maravilhosa história relata a narrativa de Joseph Smith, o profeta da igreja Mórmon, que estabeleceu uma religião em uma pequena cidade no estado de Nova York. 

Eles foram dispersos para o Ocidente como resultado da persistente perseguição que enfrentaram, e um pequeno grupo de devotos acabou se tornando uma nação. 

Este livro é vital para compreender o crescimento dos Estados Unidos da América, bem como a nossa história religiosa.

Leia também: Provérbios intrigantes: decodificando a sabedoria por trás das expressões proverbiais inglesas

 

2. Calor branco – Brenda Wineapple

Emily Dickinson, a poetisa, precisa de uma chave, pois, na ausência de um mapa, é extremamente difícil compreender o que ela está dizendo. 

Este livro apaixonado abre as portas a esta personagem peculiar, que passou anos a fio isolada no seu quarto, escrevendo poesias que nunca acreditou que fossem publicadas, com uma dedicação e um talento que ainda hoje criam um dos momentos mais delirantes da nossa língua. 

 

3. História dos Estados Unidos: das origens ao século XXI – Leandro Karnal

“História dos Estados Unidos: das origens ao século 21” é um tratado escrito por Leandro Karnal que oferece uma visão profunda e abrangente da história desta importante nação.

Uma história consistente e interessante é apresentada pelo autor, que se aprofunda nos mais diversos temas, desde as eras coloniais até acontecimentos mais contemporâneos, como as alterações sociais ocorridas no século XXI.

Através da descrição dos acontecimentos históricos mais significativos, da contextualização desses acontecimentos e do fornecimento de dados pertinentes para a compreensão do leitor, Karnal comprova claramente a sua compreensão do tema. 

Além disso, o livro está repleto de reflexões e contemplações sobre as conexões e influências que existem entre os Estados Unidos da América e o resto do globo.

A escrita de Karnal é suave e de fácil compreensão, o que melhora a capacidade do leitor de absorver informações e torna a leitura uma experiência prazerosa. 

Uma cronologia lógica e bem organizada é apresentada em cada um dos capítulos, extremamente bem estruturados. 

O autor, inclusive, não apresenta apenas fatos históricos; em vez disso, abordaram também factores políticos, sociais e econômicos que desempenharam um papel significativo na formação do país americano.

Além disso, apesar de o livro fornecer uma visão abrangente da história dos Estados Unidos, existem alguns tópicos que deveriam ter sido investigados com mais detalhes. 

Ao mesmo tempo, a ausência de fotografias ou mapas pode ser substituída por qualquer outra coisa, a fim de proporcionar um conhecimento visual mais abrangente dos acontecimentos. 

No entanto, “História dos Estados Unidos: desde as suas origens até ao século XXI” é uma obra literária essencial para quem está interessado em compreender melhor o desenvolvimento desta nação e os impactos globais que teve.

Leia também: Além das Alturas: 11 Curiosidades Incríveis que Você Não Conhecia sobre o London Eye!

 

4. Ficções Políticas – Joan Didion

Uma personalidade que ganha cada vez mais reverência nos círculos literários do país, Joan Didion é amplamente considerada uma das ensaístas vivas mais talentosas. 

Este livro é um exame da produção de mitos políticos e midiáticos, bem como uma explicação de como imagens enganosas são geradas, divulgadas e comentadas com um senso de humor sombrio e acidez linguística. 

Para compreender a estrutura mais profunda da nossa política, que vai além das manchetes do dia, este é um recurso indispensável.

 

5. Estrela solitária: A História do Texas e dos texanos -T. R. Fehrenbach

O livro “Estrela solitária”, de T. R. Fehrenbach, encapsula o espírito da identidade do Texas e é uma viagem envolvente à epopeia do Texas. 

O autor traça habilmente a história da região desde o seu início, investigando as civilizações aborígines, os movimentos de independência e os desafios associados ao estabelecimento de novos estados. 

Fehrenbach retrata os indivíduos ousados e os conflitos lendários que moldaram a história do Texas com maestria. 

A peça enfatiza a atitude inabalável que torna os texanos únicos, indo além da simples cronologia.

Finalizando, a “Estrela solitária” presta homenagem à bravura, tenacidade e variedade cultural que ajudaram a moldar a lendária história do Texas.

 

6. Estas verdades: A história de formação dos Estados Unidos – Jill Lepore

Estas verdades: A história de formação dos Estados Unidos, escrito por Jill Lepore, este livro é de extrema importância para o conhecimento da formação do país dos Estados Unidos da América. 

O autor exibe um profundo nível de conhecimento ao cobrir tudo, desde os primeiros colonos até os dias atuais, e ao interpretar os eventos históricos de uma maneira que é ao mesmo tempo objetiva e crítica.

A escrita de Lepore é envolvente e interessante, o que proporciona à experiência de leitura um fluxo suave e prazeroso. 

Além disso, fornece uma grande quantidade de informação, mas num estilo ordenado e coeso, o que facilita a compreensão da realidade da situação e dos antecedentes históricos.

Com base neste livro, somos levados a contemplar o desenvolvimento dos Estados Unidos da América, incluindo os seus paradoxos, conflitos e realizações, bem como o impacto que estes acontecimentos tiveram nos dias de hoje. 

O livro Estas Verdades é um recurso essencial para quem tem interesse em ampliar a compreensão da história dos Estados Unidos da América e do papel que este desempenhou no cenário internacional.

 

7. Os anos de Lyndon Johnson – Robert Caro

Esta biografia é um monumento na historiografia americana, escrita como a melhor ficção épica do século XIX que você já leu. 

Está escrito em quatro volumes e, depois de mais de trinta anos, ainda está inacabado!

Relata a história do presidente Lyndon B. Johnson e, através dele, a história do poder em Washington. 

Explica também como Johnson entendia o poder melhor do que qualquer outra pessoa, incluindo como o poder produzia poder e como o poder o destruía.

 

8. Chop Suey: uma história cultural da comida chinesa nos Estados Unidos – Andrew Coe

A história fascinante e educativa de como a culinária chinesa chegou à América é contada em Chop Suey. Quando a Imperatriz Chinesa partiu de Nova York para iniciar o comércio EUA-China, ele foi inaugurado em 1784. 

No entanto, foi somente após a Corrida do Ouro na Califórnia que os vegetais e especialidades chinesas, como ostras secas e ninhos de pássaros, chegaram à nossa nação, atraindo ondas de imigração da China para São Francisco e depois para Chicago e Nova Iorque. 

Os restaurantes chineses rapidamente se espalharam. Este livro intrigante cobre uma variedade de assuntos, incluindo a americanização da comida chinesa, a sua propagação em áreas suburbanas e o design de restaurantes, todos eles contrastados com a discriminação e a violência sofridas pelos imigrantes chineses.

Leia também: Descubra 11 destinos secretos em Londres cujos nomes desafiam até os londrinos mais experientes

 

9. Verão para os Deuses: O Julgamento de Scopes e o Debate Contínuo da América sobre Ciência e Religião – Edward J. Larson

Um dos casos mais controversos da história americana ocorreu na pequena aldeia de Dayton, Tennessee, há cerca de um século. 

Poucos americanos poderiam ter perdido o pequeno, lotado e sufocante tribunal onde um político conhecido por promover a noção de evolução humana enfrentou um renomado advogado criminal. 

O caso, que colocou a ciência (Clarence J. Darrow) contra a religião (William Jennings Bryan), ilustrou o poder crescente dos especialistas e educadores contemporâneos e chamou a atenção para a divisão entre valores nas áreas urbanas e rurais. 

Este livro, que documenta o crescimento desenfreado da cultura popular americana na década de 1920, é talvez o mais comovente de todos.

 

10. Nações Americanas: Uma História das Onze Culturas Regionais Rivais da América do Norte – Colin Woodard 

“Nações Americanas” é um exame fascinante dos intricados processos culturais que formaram a América do Norte, escrito por Colin Woodard.

Através da apresentação de onze diferentes culturas regionais que coexistem no continente, o autor questiona a noção convencional de nação homogênea.

Numa história envolvente que destaca os conflitos e as relações entre estes países, Woodard explora as causas e forças históricas que moldaram estes países.

O livro oferece uma tapeçaria variada de identidades culturais em oposição a uma imagem única e coesa, que aprofunda o nosso conhecimento do passado rico e complexo da América do Norte.

Uma leitura obrigatória para quem tenta compreender as nuances da cultura na América do Norte.

Se você curtiu o nosso artigo sobre “10 Livros Essenciais para Compreender a Cultura dos EUA” e quer ficar por dentro de outros conteúdos como este, não deixe de acompanhar nosso blog.

5/5 - (2 votes)

Related Posts

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *