Artigos

Como ser dentista no Canadá?

como-ser-dentista-no-canada

Como trabalhar como dentista no Canadá é uma pergunta popular entre os profissionais brasileiros que buscam emprego no exterior.

O Canadá é um destino popular para quem busca se especializar ou se tornar profissional.

Os dentistas são profissões regulamentadas no país e, portanto, precisam de uma licença específica para atuar neste setor.

O procedimento de certificação do diploma é demorado e caro, mas vale a pena.

Os dentistas são altamente valorizados e bem remunerados no Canadá.

O pagamento pode ser de aproximadamente CAD$ 100 mil por ano, o que é uma quantia mensal muito atraente.

Sem mencionar os benefícios de trabalhar em uma nação desenvolvida com serviços, segurança e condições de vida superiores.

Quer se tornar um dentista no Canadá?

Dê continuidade na leitura deste artigo!

Como atuar como dentista no Canadá?

Os dentistas estão em grande demanda no Canadá, e as vagas de emprego ocorrem com frequência.

Não basta ter um diploma de Odontologia para exercer a profissão de dentista no Canadá.

Isso não é suficiente para os reguladores. Para se tornar saudável e trabalhar legalmente, você deve realizar atividades e exames.

Veja como tornar válido o seu diploma de dentista no Canadá

Para praticar odontologia no Canadá, você deve ser licenciado por uma organização reguladora.

Enfim, confira abaixo o que você precisa fazer para validar o seu diploma de dentista no Canadá.

ECA

A ECA significa Avaliação de Credencial Educacional ou Educational Credential Assessment.

Ele avalia se um diploma estrangeiro é equivalente a um diploma canadense.

Além disso, a ECA é obrigatória para todos os estudantes que desejam estudar no Canadá, independentemente do nível de escolaridade.

O ECA pode validar as suas aptidões e ajudá-lo a conseguir um emprego.

Este documento é emitido por certas instituições. Eles fazem parte do CIC (Cidadania e Imigração do Canadá).

Aqui estão dessas instituições:

Aliás, para pedir o ECA para trabalhar no Canadá, você também pode solicitar o FSWP, ou Federal Skilled Worker Program. Envie cópias dos registros pessoais e universitários, bem como um formulário a ser preenchido por ambas as partes.

A resposta normalmente chega em até 10 dias úteis após o recebimento do material.

Então após isso você pode solicitar o NDEB.

como-ser-dentista-no-canada

NDEB

Os profissionais que pretendem atuar como dentistas no Canadá devem ser avaliados e licenciados pelo National Dental Examining Board of Canada (NDEB).

Você estabelece um perfil e faz um exame online.

Em seguida, verifica online os documentos pessoais e de graduação. Isso pode ser feito enquanto o interessado ainda estiver no Brasil, economizando tempo.

Idealmente, a faculdade fornece o diploma e as transcrições.

Mas nem todas as instituições o fazem.

Alguns candidatos apenas fornecem um envelope oficial, que eles próprios enviam.

Lembre-se que todas as fases de validação e liberação da carteira de dentista no Canadá são pagas.

Se você realmente quiser estudar e trabalhar no exterior por um tempo, precisará gastar algum dinheiro.

Se passar no exame online e enviar a documentação, já pode marcar o primeiro de dois testes práticos.

Você também pode fazer o curso complementar de dois anos. Ou seja, você volta para a universidade e conclui o curso de odontologia.

Quer você escolha os dois testes práticos ou o curso que o acompanha, você deve passar em cada um para continuar.

O próximo nível é um exame de 150 perguntas seguido por dois testes práticos.

Depois de passar por todos esses testes, você escolhe a província onde deseja trabalhar e solicitar sua licença, agora credenciada pelo NDEB.

A certificação NDEB é necessária para a prática de dentista no Canadá.

É como a prova da OAB no Brasil para se tornar um advogado.

É um procedimento que precisa de prudência, pesquisa e atenção, além de um investimento substancial.

Este método pode variar dependendo da província escolhida.

As leis de cada cidade podem ser únicas. Antes de coletar os documentos, investigar minuciosamente os requisitos da cidade escolhida para prestar a prova.

DSCKE

Para começar a exercer a profissão, os dentistas especialistas em determinadas áreas devem passar no Dental Specialty Core Knowledge Examination (DSCKE).

No Canadá, há nove especialidades odontológicas, cada uma com seu próprio exame.

 

Documentos

O pedido de licença é demorado.

O candidato deve planejar com antecedência e ter muita cautela.

A documentação pessoal e estudantil deve ser fornecida ao NDEB.

Isso inclui as traduções.

Nesse ponto, é necessário um tradutor profissional certificado.

Ou procure o consulado canadense e peça o carimbo que comprova a informação.

As organizações reguladoras não aceitam traduções de indivíduos ou especialistas não registrados.

Encontre um tradutor que faça essa tarefa, receba orçamentos e escolha o melhor para você.

A revisão de exames clínicos é um dos processos para se tornar um dentista no Canadá.

Provas

Os candidatos que buscam uma licença odontológica no Canadá devem primeiro concluir um exame on-line no site do NDEB.

Em seguida, vem uma simulação com perguntas abrangendo todas as disciplinas cursadas na graduação do curso de odontologia.

São 150 questões de múltipla escolha, das quais 113 devem ser precisas.

O candidato tem três oportunidades para passar neste exame.

Se ele falhar em todas as outras opções, ele só poderá exercer a profissão de dentista no Canadá se estudar odontologia lá.

Esse exame é oferecido apenas duas vezes ao ano e, como todas as outras avaliações, é cobrado do profissional.

Depois, há os exames práticos.

É uma simulação de atendimento clínico.

O primeiro teste utilizou manequins, enquanto o segundo utilizou indivíduos reais.

Além de pagar os exames, o aluno também deve fornecer seus próprios materiais de trabalho.

Alguns alunos compram os materiais no Canadá.

Outros optam por comprá-lo de segunda mão no Brasil e trazê-lo para a cidade do teste.

Economiza dinheiro ao ser mais exigente em mão de obra.

Todos os exames são longos e cansativos, exigindo total concentração do candidato.

É como se o graduado precisasse fazer outro teste de admissão antes de conseguir um emprego.

Este nível conta com diversos cursos preparatórios na área.

Ou seja, a única forma de passar no processo de certificação é estudar muito desde o início, ainda no Brasil.

As avaliações para a liberação da licença deixam o requerente livre de vários vícios de atuação, mais comprometido e seguro no que está realizando.

Mercado de trabalho

Qualquer pessoa que queira praticar odontologia no Canadá pode fazer um estudo de dois anos em uma instituição canadense.

Um dentista licenciado no Canadá deve possuir várias habilidades, além de estudar muito e obter uma autorização de trabalho.

São necessários conhecimentos técnicos e clínicos, proficiência no idioma e flexibilidade, assim como habilidades de prospecção de clientes, interações interpessoais, diversidade de serviços e, claro, excelência no que você faz.

A média da remuneração de um dentista no Canadá pode ultrapassar CAD$ 100 mil anuais.

Não é surpresa que tantos dentistas brasileiros tenham selecionado esta nação para fortalecer seus talentos e ganhar mais, apesar dos muitos e rigorosos exames.

Por fim, se essa leitura é sobre “Como ser dentista no Canadá?”

tiver sido proveitosa, continue conosco para acompanhar as próximas postagens por aqui.

 

 

 

 

 

Avalie a post

One thought on “Como ser dentista no Canadá?

  1. J says:

    Olá, quais os caminhos para um dentista brasileiro estudar medicina no Canadá?

Leave a Reply

Your email address will not be published.