Artigos

Inglês para médicos: saiba por que esse tipo de curso é essencial hoje

ingles-para-medicos

Fale inglês como um médico nativo e valorize a sua carreira

Você é médico?

Já ouviu falar em cursos de inglês para médicos?

Se nunca ouviu sobre isso antes, saiba que essa não é mais uma forma criativa de vender material didático…

Mesmo que você não tenha a intenção de exercer a profissão em um país de língua inglesa, provavelmente será convidado, em algum momento da sua trajetória profissional, a comparecer a eventos em outros países.

Falar o inglês básico não costuma ser o suficiente para profissionais da Medicina, cujo vocabulário precisa ser bem específico ao compreender e ministrar workshops, cursos ou mesmo atender pacientes cuja língua materna é o inglês – ainda que estejam em solo brasileiro.

Afinal, muitos hospitais e clínicas médicas de ponta contam com pacientes oriundos de locais do exterior, ainda mais se esses estabelecimentos estiverem localizados em megalópoles do Brasil, como Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro, que recebem estrangeiros todos os dias.

ingles-para-medicos

O que há de especial em um curso de inglês para médicos?

O curso de inglês para médicos aborda o vocabulário típico da carreira, com termos que são usados pela área da Medicina, o que não acontece em um curso de inglês tradicional.

O material didático costuma ser todo focado em casos comentados e situações vividas no dia a dia de um médico.

Em vez de você aprender como se comunicar com pessoas de todas as profissões, em todas as possíveis interações da vida diária, você aprenderá a se comunicar com seus pacientes em uma linguagem acessível e a se comunicar com outros médicos usando as terminologias de saúde que vocês compartilham.

Isso se dá porque o curso de inglês para médicos tem um objetivo mais restrito que um curso generalista: ele visa que o profissional de Medicina saiba aplicar essa segunda língua aos seus contextos de trabalho, propiciando que o médico saiba dialogar de forma confiante e com sotaque reduzido, o que facilita a compreensão do ouvinte.

É médico e pensa em morar no exterior, mas não fala inglês ainda?

Da mesma forma que um executivo ou um investidor busca um curso de inglês para negócios, você deve buscar um curso de inglês para médicos, que o porá em contato com as ocasiões mais recorrentes no cotidiano de um hospital e de uma clínica.

É comum que, em algum instante da existência, as pessoas se imaginem residindo em outro país que não o Brasil, seja por querer uma qualidade de vida melhor ou por ter o sonho de conhecer a fundo outra cultura.

O problema, porém, é que muitas das graduações e pós-graduações brasileiras simplesmente não têm valor em outras nações.

O imigrante brasileiro é, portanto, obrigado a cursar uma nova faculdade para exercer a profissão na qual já tem experiência, ou mesmo cursar uma faculdade em outra área e reiniciar a vida profissional do zero.

Os médicos, por outro lado, contam com diversos incentivos para imigrar para diversos países de língua inglesa, como Estados Unidos e Canadá.

Por serem profissionais muito requisitados para o bem da população como um todo, eles não precisam cursar Medicina novamente, mas sim participar de cursos breves de capacitação.

Se você é médico no Brasil, quer imigrar e não fala inglês fluente, não há como escapar: você precisará estudar até que se torne pelo menos um falante de nível intermediário desse idioma.

No entanto, se o seu inglês já é intermediário, você se beneficiará mais de um curso de inglês para médicos do que um curso de inglês avançado tradicional.

E como esses professores entendem as terminologias médicas?

Os professores de cursos de inglês para médicos são sempre profissionais da área da saúde e a maioria deles é nativa de um país de língua inglesa.

Graças a isso, você poderá começar a aprender como atender em inglês ainda que nunca tenha estado no exterior.

Para os que são estudantes de Medicina e estão à procura de uma residência médica fora do Brasil, esse é o melhor dos mundos.

Para os médicos experientes, é uma oportunidade de comparar como se dá a interação entre médico e paciente nos dois contextos.

Não podemos esquecer que todo médico, ou aspirante a médico, deve estar frequentemente atualizado sobre novos artigos científicos publicados no exterior.

O inglês para médicos leva isso em consideração, fazendo com que você analise em sala de aula as terminologias que estão em ascensão na área da Medicina.

Quer ser Médico sem Fronteiras? Você precisa do inglês para médicos!

Alguns profissionais da Medicina se identificam com causas humanitárias que ocorrem em países mais pobres ou em regiões que sofrem desastres como guerras, furacões e terremotos.

Se é o seu caso, o inglês para médicos é um requisito imprescindível para atuar nesses ambientes de conflito.

Os médicos recrutados têm uma participação crucial nesses locais em que um minuto de má comunicação pode significar uma vida perdida.

São espaços com alto nível de estresse e sujeitos a diversos imprevistos, portanto o que se espera do médico é mais que uma excelente bagagem técnica: uma alta capacidade de compreensão do entorno e de boas tomadas de decisão ainda que sob pressão.

Imagine o que pode acontecer se um paciente, em um bombardeio, é resgatado com vida, mas o médico responsável não entende bem quando esse paciente diz que é alérgico a determinado medicamento para a dor. Se o médico não tem uma boa escuta (listening), pode administrar o medicamento mesmo assim e causar uma tragédia ainda maior.

Qual a importância do inglês para médicos no mundo hoje?

Diante dos enormes desafios que a saúde pública de todos os países têm enfrentado, com epidemias, pandemias, desastres naturais e conflitos armados, é fundamental que o profissional de Medicina saiba transitar competentemente e transformar seu conhecimento em vidas salvas.

Ele só conseguirá fazer isso se tiver, além de uma excelente bagagem acadêmica, a proficiência em uma língua que é considerada a segunda língua de todas as nações (que não têm o inglês como primeira língua). Com uma comunicação clara e eficaz, de fato esse médico poderá exercer sua profissão com excelência.

Avalie a post

Leave a Reply

Your email address will not be published.