Artigos

Como Ser Médico nos Estados Unidos? Residência Médica EUA!

Você é médico, ou está cursando medicina, e sonha em trabalhar fora do país? Se você está considerando um país da América do Norte, entenda tudo sobre como ser médico nos EUA, as provas necessárias, como realizar uma residência, os vistos e o mercado de trabalho.

Médico brasileiro pode trabalhar nos EUA?

A resposta para essa pergunta, é sim! Se você também está se perguntando “qual prova para validar diploma de medicina devo fazer?”, saiba que a dos EUA é a mais procurada por estrangeiros.

Mas, não quer dizer que o caminho é fácil ou curto. Para revalidar diploma médico nos EUA, você terá de estudar bastante e se preparar para uma bateria de exames. O processo é considerado um dos mais difíceis, por conta disso, a taxa de desistência beira os 70%. Confira os principais tópicos para garantir sua vaga como médico nos Estados Unidos.

Inglês

A sua primeira missão, será atingir a fluência no inglês. No país norte-americano, nenhuma prova específica como o IELTS ou o TOEFL é exigida. Porém, alguns dos exames obrigatórios para revalidar diploma médico nos EUA, irão pontuar sua habilidade com a língua, principalmente os práticos, e é nesta etapa que grande parte dos estrangeiros é reprovada.

Medicina nos EUA

Apesar de não ser pré-requisito para a revalidação, prestar uma prova de proficiência em inglês certamente será um diferencial no seu currículo, abrindo portas para vagas que exigem fluência comprovada.

Se você ainda tem dúvidas de como aprender, e em qual nível está o seu inglês, realizar um simulado IELTS gratuito, vai te auxiliar, clareando as partes do aprendizado onde você possui mais dificuldade, levando a um estudo direcionado e mais eficiente.

Verificando sua faculdade e validando seus documentos

Após se garantir no inglês, a próxima etapa para ser médico nos Estados Unidos, é se certificar de que a faculdade onde você se formou no Brasil, é reconhecida pelo país.

Para isso, você deve entrar no site da WD – World Directory of Medical Schools, e pesquisar por sua instituição. Basta escolher o Brasil como país no campo indicado e escrever o nome da cidade do seu curso, todas as intuições válidas aparecerão logo abaixo.

Após esta etapa, você deve enviar todos os seus documentos pessoais e ligados a conclusão do curso para a ECFMG – Educational Commission for Foreign Medical Graduates. Essa repartição vai analisar os seus dados e autenticar suas credenciais como graduado em medicina.

Provas para revalidar diploma médico nos EUA

Com o sinal verde da WD e da ECFMG, você passará para a fase dos steps, sendo propriamente as provas para validar diploma de medicina. Esses exames são aplicados pela USMLE – United States Medical Licensing Examination, todos os médicos interessados em trabalhar nos EUA devem passar por esses testes, divididos em três.

Step 1

A primeira prova avalia se você pode aplicar conceitos básicos da ciência geral na área médica, ela irá analisar também sua base teórica, necessária para provar seu interesse contínuo nos estudos da medicina.

O exame é realizado de forma online em um centro credenciado – o Brasil possui alguns centros nas principais capitais – e tem duração de 8 horas, divididos em 7 blocos de 60 minutos mais intervalos. Cada bloco possui cerca de 40 questões.

Step 2 CK

Com a aprovação no primeiro teste, você passará para a segunda prova para validar diploma de medicina nos EUA, essa etapa avalia sua capacidade de aplicar os conhecimentos médicos. Sua duração é de 9 horas, sendo 8 blocos de 60 minutos somados aos intervalos, e cada bloco também contará com um número aproximado de 40 questões. Sua realização também deve ser feita em algum centro credenciado.

Step 3

A terceira etapa deve ser realizada nos Estados Unidos sendo dividida em dois dias, no primeiro você passará por mais uma prova dividida em 6 blocos e com 7 horas de duração. O segundo dia é marcado pela prova prática, você terá de passar por 13 simulações de consultas de 10 a 20 minutos de duração.

Residência médica nos EUA

Tendo passado em todas as provas, você estará apto a realizar uma residência, e somente depois dela poderá atuar como médico. Assim como no Canadá, os EUA também possuem um programa chamado Match Day, nele os pretendentes a uma vaga de residência criarão uma página, e preencherão campos correspondentes a suas aptidões e áreas de interesse.

Os hospitais farão o mesmo, quando uma vaga ofertada combinar com o seu perfil e o que você procura, será feito o Match, viabilizando a abertura do processo de residência naquela instituição.

Vistos

Parte importante da resposta de, como ser médico nos EUA, são os vistos. Para continuar no país depois da residência, você deve possuir o visto J1 ou o visto H1B.

H1B

Mais concorrido e desejado, o visto H1B te permite ficar nos EUA para trabalhar em uma instituição específica. Essa categoria de visto não é requerida por você e sim pela empresa, o hospital nesse caso.

Para a aprovação é necessário o empenho das duas partes, certificando suas horas de trabalho e documentos traduzidos. A duração do visto é de 3 anos, renovável por mais 3 anos, durante esse processo, o hospital também pode solicitar um visto definitivo para você, o green card, evitando que você tenha de voltar para o Brasil depois de 6 anos.

J1

O J1, é o visto mais aplicado para médicos residentes estrangeiros, e te permite ficar nos EUA durante a residência, após o fim dela, você é obrigado a voltar ao seu país de origem e cumprir 2 anos de trabalho lá se quiser voltar aos Estados Unidos.

Uma forma de garantir a permanência nos EUA, mesmo com o J1, é solicitar um waiver (documento que dispensa o profissional de atuar no Brasil, e atesta que o mesmo não tem dívidas pendentes com o país), e conseguir um convite para atuar em algum hospital que necessite de profissionais de sua especialização.

Mercado de trabalho

Como você deve ter percebido, validar diploma de médico nos EUA e trabalhar na área, principalmente para estrangeiros, significa estar atrelado a um único hospital. Para atuar livremente, em clínicas particulares, por exemplo, você precisará de um green card, que pode ser conseguido através de vínculo de parentesco ou de matrimonial com um cidadão americano.

Pronto para trabalhar nos EUA?

Revalidar o diploma médico nos EUA, é um processo demorado e custoso, existem países onde o acesso é mais fácil, como a Inglaterra, porém atuar nos EUA te garante melhores salários. O caminho é um só, estudar muito e se dedicar no inglês e na medicina para alcançar o sonho. E você, acha que tem todos os requisitos para ser mais um médico brasileiro nos Estados Unidos?

5/5 - (2 votes)

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *