Artigos

Vistos para Irlanda

vistos-irlanda

Com um mercado de trabalho farto, a Irlanda atrai brasileiros em busca de novas oportunidades ou que procuram por intercâmbios com menores custos do que em outros países da Europa.

Confira quais são os principais formatos de vistos para Irlanda disponibilizados para brasileiros.

Boa leitura!

Visto para Irlanda de turismo

A Irlanda possui um método de entrada facilitada para brasileiros que desejam fazer turismo no país, ou seja, não possuem uma modalidade de visto para essa categoria.

Basta apresentar alguns documentos básicos no momento da entrada, e caso todas as informações fornecidas por você sejam julgadas procedentes, sua entrada será autorizada.

Apesar de considerada simples, a entrada para turismo requer atenção, já que a falta de um documento ou uma informação desencontrada pode custar a volta para casa antecipada.

Confira quais são os documentos necessários para ingressar na Irlanda como turista:

  • Documento oficial de viagem ou passaporte;
  • Duas fotos 3×4 coloridas, de preferência similares à do passaporte;
  • Evidências do seu estado civil;
  • Evidências da sua condição de emprego ou estudo atual;
  • Comprovação de renda;
  • Confirmação de reserva de hotel;
  • Confirmação de passagem de retorno.

Lembre-se de que como turista, você não possui o direito de trabalhar ou estudar em solo irlandês.

Exercer algumas dessas modalidades na condição de visitante poderá atrapalhar os seus planos de fixar moradia no país futuramente.

Vistos para Irlanda de estudo

Se o seu desejo é estudar na Europa, saiba que os vistos para a Irlanda que englobam essa modalidade são dois.

Estudos com menos de 6 meses de duração

O primeiro não é considerado um visto, mas sim uma permissão concedida no momento da entrada, de maneira similar ao visto de turismo.

Ele se aplica em casos onde os estudos têm duração menor de 6 meses.

Além dos documentos básicos como passaporte e comprovação de condições financeiras para se manter durante o período no país, é necessário também apresentar um plano detalhado sobre a viagem e o comprovante de aceite da instituição de ensino, assim como o endereço onde as aulas serão ministradas.

Caso o curso não seja de idiomas, é necessário também apresentar uma evidência de que você possui conhecimento suficiente para frequentar o curso no qual está matriculado, que pode ser a nota de um exame de proficiência.

Visto Tier 4

Caso o curso possua mais de 6 meses de duração, é necessário entrar com um pedido para o visto Tier 4. Os pré-requisitos para solicitação desse visto são:

  • Ser maior de 16 anos;
  • Ter uma vaga ofertada pela instituição de ensino para você no curso do seu interesse;
  • Possuir condições de se sustentar e de pagar o curso;
  • Possuir bom domínio nos 4 pilares medidos pelos exames de proficiência: leitura, fala, escrita e escuta;

O visto deve ser solicitado em até 3 meses antes da viagem.

Visto de trabalho

Os vistos de trabalho na Irlanda são necessários inclusive para contratos com menos de 6 meses de duração.

Essa modalidade de permissão para entrada e estadia no país é dividida em três formatos:

Trabalhador temporário

O trabalho temporário é adequado para quem vai à Irlanda apenas para conseguir experiência de trabalho, sem a pretensão de se estabelecer ou iniciar uma carreira nos países.

As áreas mais procuradas para esse formato de visto, são as que envolvem: trabalho voluntário, trabalhos em instituições de caridade e religiosas, trabalhos relacionados a artes e entretenimentos (como montagem de shows e espetáculos) e trabalhos relacionados a esportes, que também possuem um calendário sazonal.

vistos-irlanda

Trabalhador qualificado

Conhecido como General Employment Permit, o visto de trabalhador qualificado é para aqueles que desejam estabelecer residência fixa no Reino Unido, porém sem ainda serem considerados cidadãos com plenos direitos nos países que formam o território.

Para poder iniciar esse processo de visto, é necessário apresentar uma oferta de emprego feita diretamente a você por uma empresa que atue na Irlanda, ou seja, a empresa estará garantindo que você é qualificado para trabalhar na Europa.

Trabalhador de alto valor

Já o visto de trabalhador de alto valor é concedido aos cidadãos de fora da Irlanda que possuem meios de auxiliar no crescimento econômico do território, seja através de investimentos, abertura de negócios ou liderança científica.

Esse formato de visto recebe o nome de Critical Skills Employment, sendo o considerado o mais difícil de se conseguir.

Visto de casamento

Para obter um visto de casamento na Irlanda, é primordial saber que não basta ser casado com um cidadão do país, esse casamento deve acontecer necessariamente em um dos estados que compõem o território.

O primeiro passo é, ainda no Brasil, solicitar um entry clearance, que dá uma permissão de entrada para assuntos que não envolvem trabalho, estudos ou turismo.

Essa permissão é comumente cedida para indivíduos que possuem parceiros irlandeses e pretendem se casar, válida por 6 meses.

Durante os 6 meses, o casamento deve ocorrer, porém, é fundamental observar o pré-requisito de que a parte envolvida que não nasceu na Irlanda deve possuir uma nota em um exame de proficiência correspondente ao nível A1 no CEFR.

Após o casamento, deve-se solicitar o visto de casado dentro da Irlanda, esse visto tem duração de 5 anos e somente ao final desse período a naturalização será possibilitada.

Não perca sua chance, consiga uma boa nota no exame de  proficiência

Como você percebeu, a nota de um exame de proficiência é um dos requisitos solicitados para a maioria dos vistos para a Irlanda.

O exame avalia sua habilidade com a língua, garantindo aos órgãos competentes que você está apto a estabelecer relações com o país que vão além do turismo.

Atestando sua capacidade de conviver e contribuir com a sociedade.

Na Irlanda, o exame mais aceito é o IELTS, porém outros, como o TOEFL e o PTE Academic, também podem garantir que o seu processo de visto não seja travado.

Lembre-se de que não basta realizar a prova, mas atingir uma nota mínima indicada para o seu programa de imigração.

Alguns programas podem exigir níveis mais básicos de fluência, enquanto outros podem solicitar excelentes notas para que o visto seja concedido.

Uma excelente maneira de descobrir qual é o seu nível de inglês, facilitando uma preparação otimizada para uma prova de proficiência, é através de um simulado IELTS gratuito.

A partir de sua resolução você terá maior clareza sobre quais são os seus pontos fracos e fortes com a língua.

E aí, pronto para conseguir o seu visto para a Irlanda e começar uma nova etapa na sua vida?

 

Avalie a post

Leave a Reply

Your email address will not be published.